Veja como escolher um cartão de crédito para acumular milhas aéreas

5

Por um lado, ter um cartão de crédito é muito comum hoje em dia. Por outro, a grande quantidade de cartões acaba confundindo as pessoas. Nem todo cartão de crédito tem programa de pontos e milhas, por exemplo.

Agora, aqueles que possuem o programa podem ser uma boa ideia para quem tem o hábito de viajar no Brasil e para outros países. Isso porque eles têm vantagens como seguros, assistências e as milhas podem ser transformar em descontos em passagens, por exemplo.

Só que não basta escolher um cartão que tenha pontos ou participe de programas de milhas. O ideal é escolher um cartão que seja bom para você, para o seu dia a dia, para o seu bolso. Entenda mais sobre isso e faça uma escolha certa.

Aliás, antes de saber qual cartão de crédito pedir ao banco, considere aprender sobre milhas áreas e as pontuações dos cartões.

As milhas aéreas

Antes de tudo precisamos entender algumas coisas sobre as milhas aéreas.

Elas são como pontos que podem ser acumulados em um cartão de crédito. Mas, esses pontos ainda não são milhas. Somente após o acúmulo de uma certa quantidade é que ela se transforma em milhas.

E para isso acontecer é preciso transferir os pontos do cartão para o programa de pontos, que pode ser qualquer um, de qualquer companhia aérea.

Agora, a quantidade de pontos que é preciso ter no cartão assim como o prazo que tem antes que os pontos se expirem vai depender de cada programa de pontos e de cada programa de milhas também.

Por isso, basicamente, o que temos que entender é:

  • O cartão de crédito é hoje a melhor forma de acumular pontos,
  • Os pontos podem ser transferidos para programas de milhas,
  • Os pontos que vão para os programas viram milhas aéreas.

Agora, vamos continuar, além de tudo isso, considere que nem todo cartão de crédito faz parte dos programas de acúmulo de milhas hoje em dia. A maioria, sim. Mas, nem todos.

Como já sabemos um pouco sobre as milhas aéreas, vamos falar dos cartões e dos pontos.

Os pontos dos cartões

Quem tem um cartão de crédito com programa de pontos pode ganhar pontos ao usar o cartão, obviamente. Por isso, se você está pensando em juntar milhas, uma boa ideia é começar a usar mais o cartão de crédito – o de débito não vale.

A atenção está no fato de que o crédito é um dinheiro que você ainda não tem e que deve ser pago no mês que vem. E, além de tudo, o cartão é uma das formas mais usuais de endividamento no país.

Então, atenção redobrada ao usar o cartão, combinado?

Bom, outra atenção está no fato de se atentar aos prazos e validade dos pontos. Lembre-se que cada cartão tem o seu programa e as suas leis.

Visto isso, considere que os pontos podem ser transformar em milhas. E você já sabe o que é isso. Milhas podem ser usadas para comprar passagens, produtos, etc.

Mas, quais os cartões que geram pontos e milhas? São muitos, mas listamos os 3 principais do mercado.

Os cartões com milhas

Geralmente, os cartões que permitem o acúmulo de pontos e milhas são aqueles que são internacionais. Também podem ser descriminados como Gold, Platinum, Black, Infinite e por aí vai.

O fato é que nem sempre eles são baratos e quase nunca, gratuitos. Mas, para quem viaja, ainda com a anuidade, ele pode ser vantajoso, já que gera os pontos.

Uma das opções é o cartão do Itaú e da Azul. Ele custa R$ 370 e é, atualmente, o que mais gera pontos por dólar gasto: 1,7. Os pontos vão direto para o programa da Azul, o que também é uma vantagem.

Quem comprar passagens no site da Azul usando o cartão também ganha desconto, de 10%. E a primeira bagagem é gratuita para voos dentro do país.

Outra boa opção é o Latam Gold, também do Itaú, que gera 1,6 ponto e custa R$ 438. Tem ainda o Multiplus, que é idêntico ao Azul, só que com a diferença de gerar pontos e benefícios nas passagens da Latam.

Um detalhe é que além das anuidades, os cartões de crédito por serem produtos financeiros podem ter outros custos embutidos. Para não ser pego de surpreso, consulte o site do banco Itaú, que lista esses encargos.

E como escolher o cartão?

Acima citamos apenas 3 cartões de crédito que geram milhas. E todos do Itaú. Mas, você sabe que hoje em dia é possível encontrar diversas outras opções no mercado.

A ideia é que você conheça todas as variáveis para saber qual é o melhor para você.

E para saber o melhor para você é preciso ir analisando as informações, como fizemos acima: considere a anuidade, o benefício em passagens, os descontos em produtos, o programa de milhas, a companhia aérea parceira, o banco emissor e assim por diante.

Como foi dito também, cartão internacional e Gold e Black e outros que geram milhas são bem mais caros do que os cartões comuns. Inclusive, hoje dá para ter um cartão sem anuidade, só que eles não possuem programa de pontos e milhas.

Então, devido ao custo, é muito importante escolher um bom cartão de crédito.

Considere que além dos pontos, esses cartões ainda têm diferenciais, como a opção de seguros viagens, seguro bagagens, assistências médicas e até mesmo acessos VIPs a aeroportos nacionais e internacionais.