Mineração de criptomoedas: o que é, vale a pena?

Quem já vem acompanhando esta série de matérias que estou disponibilizando a respeito de moedas virtuais, já está por dentro de o que são bitcoins, além de outras informações como, por exemplo, criar carteira bitcoin, entre outras. Continuando então por esse caminho, hoje vou falar sobre o que é mineração de criptomoedas, se vale a pena você entrar nessa e se tornar um “criptomineiro” ou “criptominerador”, dentre demais dicas relacionadas, as quais são do seu interesse. Bora lá conferir tudo o que importante em se tratando de minerar moedas virtuais, começando já!

Mineração de criptomoedas

O mercado das moedas criptografadas tem sido um dos mais explorados até então, principalmente quando acompanhamos o valor de mercado do bitcoin hoje, por exemplo, que está na faixa dos R$26.000 (vinte e seis mil reais) ou $6.000 (seis mil dólares). E por assim ser, uma moeda virtual com tal preço absurdo quando comparamos a diferença de cotação entre o real brasileiro e o dólar, muita gente vem lendo e se interessando por mineração de criptomoedas, o processo pelo qual você consegue ganhar pelo menos algumas frações do dinheiro digital com criptografia.

mineracao de criptomoedas

Por se tratar de uma moeda virtual valiosa, o bitcoin (que é apenas uma delas já que existem a Altcoin, Ethereum, etc) é minerado diariamente por milhares de pessoas em todo o mundo – e de acordo com o que pesquisei, só restam ⅕ das moedas digitais disponíveis para serem mineradas.

A mineração de criptomoedas pode ser comparada, exemplificando, às minas de ouro ou de carvão, onde há o mineiro com uma picareta quebrando pedras em busca das pepitas douradas. Porém, como estamos falando de moedas virtuais, você só pode “minerá-las” usando equipamentos para mineração de bitcoins, que incluem um computador montado para tal finalidade e dinheiro disponível ao investimento já que a mineração da moeda virtual consome muita energia elétrica.

Como minerar moedas virtuais

Na verdade antes de se perguntar os meios pelos quais você consegue minerar bitcoins, por exemplo, o importante é saber se realmente vale a pena – por isso, recomendo que você assista ao vídeo abaixo, no qual é explicada essa questão:

Uma estimativa a você que está buscando saber o que é mineração de criptomoedas em relação a quanto vai gastar, inicialmente, pode ser tirada com base nesta lista de equipamentos que vou mostrar agora:

Placa mãe: R$ 469,91

Processador: R$ 159,90

Memória: R$ 221,45

HD 120 GB: R$ 168,00

Placa de vídeo (geforce): R$ 2.099,90

Fonte (1000W): R$ 1.094,68

Riser: R$ 32,99

Gabinete (Rig): R$ 200,00

equipamentos mineracao bitcoins

Equipamentos mineracao bitcoins

 Melhores Carteiras Bitcoin: Lista completa!

Usando apenas os itens listados acima, você vai ter um gasto inicial superior a R$5000 (cinco mil reais), e isso apenas com equipamentos para minerar criptomoedas. Mas eu sei que você vai dar uma pesquisada em preços mais baratos, e aí que você mesmo(a) talvez aprenderá, novamente, na prática que com pouco investimento, você só vai gastar dinheiro à toa e não terá um retorno de moedas virtuais satisfatório.

Minerar criptomoedas: não vale a pena

Além de todo gasto que você precisa pra montar sua “rig” visando à mineração de criptomoedas, vi muita gente falando que a conta de luz vai nas alturas, ou seja, no meu modo de ver não compensa minerar moedas virtuais. Se você assistiu ao vídeo acima, viu também que o retorno – isso de acordo com o youtuber – começa a vir depois de 12 (doze) meses, então pra quem está precisando de grana agora, realmente compensa investir em outro negócio.

minerar criptomoedas

Minerar criptomoedas não vale a pena

 Criar carteira bitcoin na BlockChain passo a passo.

Outro ponto a você que ainda está pensando em trabalhar com mineração de bitcoins: existem pessoas “podres” de tão ricas que são, e se realmente compensasse minerar criptomoedas vocês acham que já não teriam sido exploradas por grandes empresas e multimilionários?

Finalizando, gostaria de dizer que essa é a minha opinião, então você pode concluir por si próprio(a) se vale ou não a pena insistir na ideia de mineração de criptomoedas (algo que milhares de pessoas estão fazendo), consciente, e caso saia no prejuízo, apenas siga em frente sem ficar lamentando já que estava ciente do que poderia a você acontecer.

Dúvidas frequentes

Quantos bitcoins consigo minerar por dia? a resposta é NENHUM, pois o bitcoin custa caro, ou seja, você só consegue obter uma pequena fração de moeda virtual fazendo mineração de criptomoedas diariamente – a não ser que você seja rico e monte uma empresa mineradora.

Quantos bitcoins existem hoje para serem minerados? se é verídica a informação de que só restam 20% de moedas criptografadas para mineração e que a quantidade total de bitcoins no mundo é de 23 milhões, fazendo regrinha de três, restam R$4.600.000 (quatro milhões e seiscentos mil bitcoins para serem minerados hoje).