Magazine Luiza cita 5 benefícios para investir em consórcios

7

O Magazine Luiza tem várias vertentes financeiras dentro da sua marca. Assim como o Cartão Luiza existe também o Consórcio Luiza. Obviamente, são produtos diferentes, mas ambos do mercado financeiro. Hoje, vamos falar sobre os benefícios para investir em consórcios.

Inclusive, é a própria Magazine que lista isso em seu blog. Portanto, todas as informações são da empresa e a gente teve o trabalho de apenas adaptar para a sua leitura. E para finalizar essa introdução, saiba que concordando ou não com esse investimento, o assunto é interessante porque tem a ver com a educação financeira. Saiba mais.

Os benefícios para investir em consórcios

A Magazine avalia que o consórcio é uma alternativa viável de investimento financeiro porque permite uma compra de até 32% mais barata do que as outras opções do mercado. “Educação Financeira foi incluída na Base Nacional Comum Curricular em 2017”.

A matéria cita isso ao falar sobre a importância de educar as pessoas com esse assunto. “Estão inserindo nas escolas a ideia de rendimentos, de poupança e também de investimento”.

PROPAGANDA

E essa é a deixa para começar a falar sobre os benefícios para investir em consórcios. Isso porque os modelos de negócios de consórcio atuais tornam possível uma compra programada. E sem juros, sendo que custa mais de 30% mais barato do que os outros modelos.

Agora, confira os motivos citados pela Magazine.

1 – O modelo

A empresa avalia que esse é um modelo de negócio que está incluído na economia colaborativa. Assim, um grupo de pessoas se reúne para usufruir de um determinado bem ou serviço.

Ao falar disso, a Magazine cita as bicicletas compartilhadas: “ao invés de comprar uma bicicleta nova para usar alguns dias da semana, a gente pode alugar uma no aplicativo e aproveitar o meio de transporte”.

Aí, no consórcio vale a mesma ideia: um grupo de pessoas se reúne para arrecadar um saldo. Depois, através de sorteios ou lances, dá para contemplar cartas de crédito que permitem à compra à vista.

2 – Os juros

O segundo dos benefícios para investir em consórcios citado tem a ver com os juros. “Enquanto os juros dos financiamentos e do cartão de crédito são altos e seguem a Selic, o consórcio tem outro molde”.

Assim, a cobrança é feita com uma taxa administrativa, que varia de acordo com os grupos. Por isso, é importante analisar o seu grupo antes de entrar no consórcio para saber sobre a taxa que é cobrada.

“No segmento imobiliário e de autos, a diferença é perceptível. As operadoras cobram juros em até 10% ao ano. O consórcio tem taxa que é menor do que 1% ao ano”, garante a empresa.

3 – A compra

Uma outra ideia interessante para quem está pensando em poupar dinheiro através do consórcio do Magazine Luiza tem a ver com a compra, que é programada. “Ter disciplina para poupar não é fácil e essa é uma das maiores vantagens do consórcio”.

Assim sendo, dá para criar o que é chamada de compra programada. Ela é aconselhável para todo mundo que tem o interesse em comprar um bem ou contratar um serviço de forma planejada. Isso ajuda a não furar o orçamento e evitar o pagamento de juros altos com empréstimos.

Dessa forma, a matéria usada como base para este texto avalia que é uma ótima oportunidade para quem promete guardar dinheiro todo mês, mas nunca consegue.

5 maneiras de gastar menos pagando metade do preço ou não pagando nada

4 – O reajuste

Dá para citar ainda o reajuste de crédito, que é uma forma de se manter com o dinheiro valorizado a cada mês que passa. Isso porque os produtos tendem a aumentar de preço no decorrer do ano. Concorda? Então, ter um reajuste mensal é importante.

E isso acontece no consórcio. De modo geral, a gente fala muito em reajustes anuais que são baseados em índices. No consórcio, a ideia é a mesma. Usa-se o INCC para ser o Índice Nacional de Custo da Construção, por exemplo.

Ao passo que as parcelas são reajustadas anualmente pelos índices. E isso garante que o crédito no fim do prazo seja realmente equivalente ao produto que será comprado.

5 – O prazo

O último dos benefícios para investir em consórcios que a Magazine cita tem a ver com o prazo. Lembrando que o consórcio é um investimento de longo prazo. Portanto, uma ótima ideia para quem se preocupa com a aposentadoria, por exemplo.

“Um modelo programa é o ideal. Isso porque é possível ter um valor acessível todos os meses em um saldo que está sendo reajustado pelo mercado”. E a dica final vem agora: “É necessário aguardar 180 dias após a quitação ou encerramento do grupo para resgatar o valor em dinheiro”.

O consórcio é um bom negócio para você?

Agora que você conhece alguns dos benefícios para investir em consórcios você deve fazer a sua reflexão. Será que essa é uma boa ideia de investimento para você? O que a gente tem que analisar é que existem sim vantagens, mas também existem desvantagens, né.

Para você saber mais, comece a comparar o consórcio com outras opções de aplicações financeiras. O que a gente pode ver, na maioria dos casos, é que o consórcio é de grande valia para quem tem muita dificuldade em poupar mensalmente. Aí, ele pode ser útil.

Mas se você não tem esse problema, saiba que pode encontrar no mercado financeiro algumas opções melhores. Porque mesmo com a cobrança de impostos, essas opções podem ter rendimentos melhores, como os produtos bancários ou do Tesouro Nacional, por exemplo.

Não tem saída: quando se trata de educação financeira, o jeito é estudar, pesquisar e avaliar!

PROPAGANDA