5 erros comuns que pessoas pobres cometem – por isso, não ficam ricas!

18

A gente fez uma seleção muito interessante dos 5 erros que são mais comuns na vida das pessoas pobres – que querem ser ricas. São hábitos que foram enraizados culturalmente e que precisam ser mudados imediatamente.

Se você acredita em dinheiro fácil, se gasta muito dinheiro e se é imediatista, por exemplo, o ideal é ler este conteúdo agora mesmo. Você pode enriquecer, se quiser. Basta saber o que está fazendo de errado. Descubra.

1 – O dinheiro fácil

A verdade é que não existe essa história surreal de dinheiro fácil.

Calma, vamos explicar isso. O dinheiro fácil realmente existe sim. Mesmo porque todo mundo fica vidrado na TV e nas propagandas quando ouvem dizer sobre a possibilidade de ganhar 1 milhão de reais de alguma forma, né.

PROPAGANDA

Aí, o que acontece é que o BBB (Big Brother Brasil) todos os anos tem milhões de inscritos. O que acontece é que vários realitys shows também tem muitos inscritos e os programas de palco também. Tudo visando o ganho fácil do dinheiro.

Além disso, existem outras formas, como heranças, loterias, casamentos… Tudo isso permite ganhar dinheiro fácil e rápido.

Agora, o que você tem que entender é que o erro é achar que isso vai te fazer rico para sempre. Mesmo que ganhe muito dinheiro, você tem que saber administrar. E administrar não é gastar menos e aos poucos, mas saber fazer mais dinheiro com o que tem.

Portanto, o conselho mais importante que você vai ouvir hoje é justamente aprender a construir a sua riqueza. E você só consegue isso quando aprende sobre o mercado financeiro, de investimentos, do dinheiro, do controle e das finanças.

2 – Os objetivos financeiros

Outro erro comum que as pessoas pobres cometem é não ter objetivo financeiro. Você chega para conversar com essa pessoa e pergunta para ela os motivos que as fazem querer enriquecer.

Elas dizem que querem ficar ricas para ter dinheiro. Tipo, algo bastante subjetivo.

Já para os ricos, os objetivos do enriquecimento são bem claros: fazer uma viagem dos sonhos, ter uma aposentadoria sustentável, comprar uma casa na praia, morar em outro país, abrir o próprio negócio, etc.

Saiba que até mesmo para comprar um carro ou trocar de celular você precisa ter objetivo. É porque a partir disso você se planeja, você sabe para que está trabalhando, economizando, poupando.

A falta de objetivos é um erro muito comum que pode estar te arrastando, cada vez mais, para o fundo do poço da pobreza.

3 – O gasto do salário

Quanto você gasta do seu salário todos os meses? Em quê, exatamente, você gasta? Quais são os principais custos de vida hoje em dia? Meu amigo, diga aí, para onde vai o seu dinheiro?

Fazer essas perguntas nada mais é do que do que ter controle financeiro da sua vida. E o que isso tudo tem a ver com o texto de hoje? Saiba que o gasto do seu salário precisa ser repartido e muito bem dividido… Se não, dificilmente você ficará rico.

Tem muita gente que gasta tudo o que ganha. Tem gente que gasta tudo o que ganha para pagar contas, boletos e dívidas. Tem aqueles que gastam tudo com farra, mulheres e cervejas.

Não importa, se você gasta tudo o que ganha, saiba que também está nadando contra a maré. E não importa se gasta na farra, no bar, nas dívidas, nas contas de casa, na educação. Não importa! Você não pode gastar tudo que ganha se quiser ficar rico.

Neste conteúdo não vamos trazer detalhes de como montar um planejamento financeiro ideal e nem como controlar os gastos. Mas, fique sabendo que uma boa ideia é começar a poupar, ao menos, 10% de tudo o que você ganha.

4 – O imediatismo

Imediatismo é aquilo que você faz ou que a gente faz, de uma forma geral, pensando apenas no imediato, no hoje, no agora, nesse momento.

Por exemplo, no trânsito você tem que ser imediatismo porque precisa pensar rápido em muitos momentos. De repente, tem que jogar a direção para outro lado ou frear bruscamente. Isso é ser imediatista.

No entanto, quando a gente fala em dinheiro e em finanças, ser imediatista tem se tornado um grande problema. O motivo é que muita está sendo tão imediatista que esquece de se planejar. E ao fazer isso, deixa de viver uma boa vida.

Então, considere que se você é pobre vai precisar começar a pensar um pouco mais no seu futuro. Portanto, deixe de lado o “carpe diem” de viver apenas o hoje. Para muitos ricos pensar que “ah, se eu não viver amanhã” é um baita de um erro.

E você, pensa assim? Se pensa, saiba que está andando na contramão da riqueza.

Agora, para fechar o tópico, considere que estamos falando de algo como planejar tudo. Mas, planejar para realizar os seus sonhos, claro. Você pode planejar uma viagem de fim de ano, assim como pode planejar a aposentadoria e outras coisas.

Isso é ser sábio e evitar o imediatismo. Mesmo porque sempre que a gente toma uma atitude de imediato, a gente corre um grande risco de cometer erros também. Seja no trânsito ou na vida financeira. Isso é arriscado demais.

5 – Os ativos financeiros

A gente vai explicar uma coisa aqui: um ativo financeiro é algo que vai lhe render juros e colocar dinheiro no seu bolso. O contrário é formado por gastos, que são passivos financeiros.

Então, carro, casa, compras… Tudo são passivos. E investimentos são ativos financeiros. Simples isso, né?

Então, agora diga: você tem muitos ativos financeiros na sua vida? A verdade é que todos os ricos, atualmente, tem ativos financeiros. Especialmente, investimentos no Tesouro Direto, na renda fixa e também na variável.

Eles até que tem passivos financeiros também, como casas e carros. Mas, nunca deixam de lado os seus ativos, que é justamente o que fazem deles pessoas ricas.

Portanto, se você não tem ativo financeiro, saiba que dificilmente vai enriquecer nos próximos meses ou anos. Comece a pensar nisso a partir de agora!

PROPAGANDA