Descubra tudo o que você precisa saber sobre o Cartão de Saúde Pré-Pago

15

Você já ouviu falar do cartão de saúde pré-pago? Pode ser que não porque essa é uma novidade aqui no nosso país. E quando o assunto é saúde, ele interessa a todo mundo. Ainda mais em um lugar onde esses convênios estão cada vez mais caros e assustadores.

Então, se você tem o interesse em conhecer, saber como funciona ou mesmo solicitar o cartão de saúde pré-pago, o ideal é que estude o assunto antes disso. Por isso mesmo é que esse conteúdo tem a sua importância entre o assunto financeiro.

O cartão de saúde pré-pago

Atualmente, muitas empresas estão oferecendo para muita gente e empresas o cartão de saúde pré-pago. Além dele, outra opção que também é nova é o cartão de desconto. E vamos falar um pouco de cada um para você entender as diferenças entre ambos.

De modo geral, eles têm sido aceitos e estão sendo estudados porque são formas alternativas (e mais baratas) de ter um plano de saúde. Afinal, os planos de saúde mais tradicionais estão bem caros, certo? E o motivo todo mundo já sabe: reajustes atrás de reajustes!

PROPAGANDA

Para muitos brasileiros, com tantos reajustes nos planos de saúde, ficou inviável ter um convênio médico particular hoje em dia. E é aqui que entra a história do cartão de saúde pré-pago ou do cartão de desconto.

As empresas ofertam tais produtos que podem trazer benefícios como as consultas e os exames gerais à preços mais acessíveis. Além disso, a promessa é de outras vantagens também, como agilidade no agendamento de tais procedimentos.

E isso sem contar que o custo benefício parece ser ótimo, não é mesmo?

Só que a gente tem que tomar alguns cuidados antes de contratar um cartão de saúde pré-pago ou qualquer outro produto novo que chega ao mercado. Apesar de tantos benefícios, e de serem financeiramente melhores, eles não são como os planos de saúde convencionais.

E foi pensando nisso que fomos atrás do IDEC, que é o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor. Nessa instituição, encontramos algumas das principais dúvidas das pessoas sobre o assunto. E são ótimas questões para se pensar antes de assinar o contrato final.

Saiba como ter o Cartão do SUS no celular e como imprimir a 2ª via

Cartão pré-pago ou cartão de desconto?

A verdade é que é bem simples entender como cada um desses cartões funcionam. Mesmo porque os nomes são bastante sugestivos. Por exemplo, o cartão desconto dá desconto em procedimentos, consultas e outros serviços de prestação médica.

A regra é que esses serviços devem estar credenciados ao programa. Então, de modo geral, a pessoa paga um valor, que é como uma taxa de adesão. Além disso, tem a mensalidade ou anuidade. Basicamente, é isso.

Por outro lado, o cartão de saúde pré-pago tem muita semelhança com o cartão de desconto. Sendo que também dá descontos em procedimentos e tem mensalidades. Porém, há uma diferença muito importante de ser estudada.

É preciso ter crédito no cartão para usar ele. Mesmo com descontos em procedimentos, eles terão custo e somente quem tem crédito no cartão poderá pagar. É como um cartão de crédito pré-pago que existe no mercado financeiro.

Ah, e tem mais uma diferença. O fato de que o pagamento no cartão de desconto pode ser feito por dinheiro, cheque ou cartão. Enquanto que a negociação é diretamente no estabelecimento responsável pela emissão do produto. Já no pré-pago, o pagamento é no crédito.

Os procedimentos médicos são seguros?

Na verdade, os procedimentos médicos tendem a ser seguros, sim. Mas, o que muda é que eles são bastante básicos e simples. Assim podem não atender a todo tipo de solicitação de cada paciente. Não é um pacote completo, mas básico e limitado.

Essa é que é a grande diferença para os planos de saúde comuns.

Inclusive, as empresas até podem ofertar alguns procedimentos mais rebuscados. Mas, nesses casos, no entanto, o paciente deve pagar o valor integral, o que acaba sendo bem caro e praticamente doloroso para o bolso.

Imagine só a situação de alguém que precisa fazer uma cirurgia de alta complexidade. Ela vai precisar ter bastante crédito no cartão de saúde pré-pago para fazer todo processo. E isso vai gerar problemas financeiros para essa pessoa. Por isso, o cuidado a ser tomado.

Dessa forma, o cliente que tem o interesse nesses produtos deve consultar todos os serviços que são oferecidos. Assim como os custos de consultas, de exames, de taxas que podem ser cobradas e até mesmo de multas de cancelamento.

De modo geral, para dar um exemplo, essas alternativas não dão direito à atendimentos à pronto-socorro.

Como cancelar o cartão de saúde?

A última dúvida que vamos citar aqui é sobre como cancelar o cartão de saúde. Lembrando que eles não estão na Lei dos Planos de Saúde da ANS (Agência Nacional de Saúde). Dessa forma, não são regularizados de forma autêntica.

Então, o cancelamento pode ser feito diretamente com a empresa que fez o contrato do serviço e do cartão. Lembrando que podem haver multas conforme o contrato. E elas são proporcionais conforme o tempo que falta para terminar o contrato.

Em caso de dúvidas, todo cliente pode ligar na ANS, através do número gratuito 0800-701-9656. E se houver problemas no atendimento ou nas consultas, saiba que todo consumidor tem os seus direitos, com base em leis e que dão direito à rescisão do contrato, por exemplo.

PROPAGANDA